top of page
Buscar
  • Lhivros e Arthivismo

Filme - ABSOLUTELY POSITIVE - Peter Adair

O filme documentário "POV - Absolutely Positive" foi ao ar em 18/06/1991, época anterior aos tratamentos eficazes contra a infecção pelo hiv.



Naquele ano, um dos filmes com maior representação de pessoas vivendo com hiv foi mostrado no programa POV do canal PBS estadunidense.


Contando a história de 11 homens e mulheres vivendo com o vírus, algumas em estágio de aids, homens e mulheres, gays e heterossexuais, brancos e negros, discutindo seus relacionamentos e suas experiências com o hiv, o filme dirigido pelo cinegrafista Peter Adair ganhou um Urso de Prata em Berlim e um prêmio de melhor documentário do mundo.


Mas para duas pessoas envolvidas na elaboração do documentário, o próprio Adair e uma das pessoas entrevistadas, Doris Butler, esta obra significou muito mais.


Dentre as criações do diretor, Absolutely Positive foi a primeira em que ele atuou também como entrevistado. Os 11 personagens foram escolhidos dentro de um universo de 120 indivíduos selecionados, e suas escolhas profissionais são semelhantes às adotadas em sua primeira obra relativa ao hiv, "The A.I.D.S.", correalizada com Rob Epstein e Jeffrey Friedman.


Apesar de todos os entrevistados mostrarem facetas distintas de vida e morte, o coração do filme é Doris Butler, que vivia com hiv e ainda por cima também cuidava de seu filho, que à época estava em fase de aids. Ela narra que junto com seu marido, passaram por uma fase de uso de drogas injetáveis, e após ele ficar doente, ela fez o teste e abriu o resultado no transporte público.


Enquanto "Absolutely Positive" apresenta sua dor, também testemunha sua força política e descobrindo seu próprio poder.


Trinta anos depois de sua primeira veiculação, este filme ainda é raro por permitir que os entrevistados falem por si mesmos, especialmente ao abordarem a possibilidade de morrerem a qualquer momento.


Uma fala do diretor, que aliás faleceu em 1996, foi a que mais me impactou: "sinto que há mais glória em sobreviver a uma doença fatal que morrer de uma doença tratável".


O filme pode ser assistido no original em inglês pelo link abaixo.




28 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page