top of page
Buscar
  • Lhivros e Arthivismo

Livro - O CORPO CRITICO - Jean-Claude Bernadet

Terminei o livro "a doença, uma experiência", de Jean-Claude Bernadet, um dos maiores críticos de cinema do país, cineasta, professor, e PVHIV. O livro foi escrito em 1995, e conta a história do autor de forma ficcional, ou faz uma ficção altamente embasada em sua vida com aids. Há um capítulo inteiro sobre Jean Claude Bernadet no livro "Os Perigosos" de Marcelo Secron Bessa, em que Bernadet explica justamente esta dualidade entre ficção e autobiografia no livro.



O livro é pura literatura, apesar do seu tamanho (somente 68 páginas), e com trechos como "Preciso sair desse limbo dos pré-mortos para onde vou sendo empurrado, o que vai me matar não é a doença, é a rede que está se fechando em volta de mim..." ou "Você está com depressão pós-parto. Você se programou para morrer depois do filme, e agora não sabe o que fazer com sua vida.", ou "O chão dos falsos anjos da guarda é pantanoso. Que recolham sua boa vontade e seu humanismo... Os Angels In América, que recolhem suas asas, são vampiros."


Pois bem. Apesar de o livro estar esgotado, Bernadet escreveu "O Corpo Crítico", livro lançado em 27/05/21, em que ele amplia sua narrativa, e inclui integralmente "a doença, uma experiência" em seu interior.


Obviamente, O Corpo Crítico passou na frente de todos os outros. Após ultrapassar diversas doenças oportunísticas advindas da aids, o autor desenvolveu um tumor em 2016, tratado com sucesso, até que recentemente, aos 80 anos, descobriu um câncer de próstata, e a partir daí, exerceu sua autonomia de não desejar seguir o tratamento. E o livro trata deste processo, de como ele chegou a esta conclusão e os reflexos da mesma. Aborda a autonomia das vontades individuais sobre seu próprio futuro e nos força a refletir muito sobre a questão.


Vale super a pena.

11 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page